BaseNotícias

Saiba quem é Kaiki, lateral do Cruzeiro que se destacou no clássico

Assim como em outros jogos, o técnico Zé Ricardo recorreu aos reservas para escalar o Cruzeiro contra o Atlético, no domingo (22). Onde deu mais uma oportunidade na titularidade a um atleta da base celeste: o lateral esquerdo Kaiki. O jovem atleta de 20 anos, por sua vez, aproveitou a oportunidade e mostrando calma e técnica, foi um dos destaques da vitória celeste.

Saiba quem é Kaiki

Natural de Betim, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, Kaiki iniciou sua carreira na cidade mesmo jogando pelo São Cristovão. Aos 10 anos, disputou uma espécie de Campeonato Mineiro pelo Imef, jogando como centroavante. Fez 15 gols na competição. O Cruzeiro viu e convidou o jogador a treinar na escolinha campestre.

No mesmo período, Kaiki jogava futsal pelo Olímpico em Belo Horizonte, com o técnico Bebeto (mesmo treinador do futsal). Assim, foi recuado para a lateral esquerda, e atuou no campestre até os 13 anos. Além disso, foi elogiado por Dadá Maravilha na época: “O jogador que mais me impressionou foi esse aqui. Tem uma baita de uma impulsão. Parabéns do Rei Dadá.”

Posteriormente, já definitivamente na base do Cruzeiro, jogou no sub-15 em 2018, e no mesmo ano passou a atuar na equipe sub-17. Mas foi a partir de 2019 que ele passou a receber mais oportunidades, destacando sendo promovido ao sub-20 mesmo ainda tendo idade para jogar no sub-17. Logo, na categoria sub-20 destacou-se.

Portanto, como era de se esperar, foi convocado para a disputa do torneio sul-americano sub-20 e posteriormente para a disputa do Mundial da categoria, pela seleção brasileira. Onde credenciou-se para a disputa do Pan-americano com a amarelinha, no entanto, o Cruzeiro optou por não liberar. Dessa forma, ele teve oportunidades recentemente como titular e correspondeu muito bem.

Proposta recusada

Kaiki inclusive despertou o interesse do futebol estadunidense após a conquista do Torneio Sul-americano com a seleção brasileira. Assim ele recebeu uma proposta do Chicago Fire no valor de 1,5 milhão de dólares (cerca de R$ 7,5 milhões na cotação atual). Porém, a diretoria do Cruzeiro considerou a oferta baixa e a recusou.

Diego Marinho

Mineiro, 31 anos. Graduado em História, setorista do Cruzeiro no Diário Celeste.

Veja mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo