Futebol FemininoNotícias

Futebol feminino do Cruzeiro completa 5 anos; relembre trajetória

Departamento foi criado em 27 de fevereiro de 2019

Criado no dia 27 de fevereiro de 2019, o departamento de futebol feminino do Cruzeiro chega aos seus 5 anos de existência. Onde conquistou dois campeonato mineiros, conseguiu o acesso e a vaga inédita a segunda fase da série A1. Relembre a trajetória nesses 5 anos:

Diante da obrigatoriedade imposta pela CBF, o Cruzeiro como outras equipes brasileiras, criou o departamento de futebol feminino, tendo Bárbara Fonseca a sua frente. A gestora montou uma equipe que tinha um forte quarteto ofensivo treinado por Hoffman Túlio: Vanessinha, Duda Sampaio (hoje no Corinthians), Miriã (hoje no Corinthians) e Micaelly (Hoje na Ferroviária).

Assim, fez grande campanha conquistando o Campeonato Mineiro de 2019, e conseguindo o acesso à Série A1 do Brasileirão Feminino. Ainda com parte do elenco remanescente de 2019, o Cruzeiro quase foi as oitavas do Brasileirão Feminino A1 de 2020, e faturou o vice-campeonato mineiro.

Contudo, o rebaixamento da equipe masculina a Série B teve reflexos: a temporada de 2021 foi de luta contra o rebaixamento na Série A1, e de novo vice do Mineiro. Fora de campo, as atletas se juntaram a equipe masculina e sub-20 demonstrando descontentamento e ameaçando greve.

Mas a partir de 2022 a situação financeira começou a melhorar consideravelmente, pois o Cruzeiro se transformou em SAF, colocando os salários em dias e integrando o elenco ao clube: a equipe feminina que nunca treinou na Toca da Raposa, passou a utilizar a Toca I e também a Toca II. Além disso, Kin Saito foi contratada para ser diretora, e Bárbara Fonseca mantida como coordenadora.

Por fim, houve o investimento gradativo em um elenco mais forte. Os resultados, no entanto, não vieram imediatamente: a temporada de 2022 foi de luta contra o rebaixamento e o vice do mineiro pela terceiro ano seguido. Mas o horizonte que se avistava, era muito positivo.

Com um investimento maior, foi montando um dos elenco mais fortes da história do futebol feminino do Cruzeiro, tendo entre seus nomes a artilheira Byanca Brasil. Logo, dentro de campo, os resultados vieram como resultado de um processo iniciado em 2022: vaga inédita as oitavas de final do Brasileirão Feminino e título do Campeonato Mineiro.

Em 2024, a base do elenco que fez grande temporada em 2023 foi mantido, e o Cruzeiro já começou bem faturando o vice-campeonato da Supercopa Feminina.

Veja mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo