Notícias

Nicolás Larcamón evita avaliar arbitragem e “cobra” time inteligente; veja

Nicolás Larcamón apontou que resultado ficou 'de bom tamanho'

Em jogo de ida da semifinal do Mineiro, o Cruzeiro ficou no empate com a Tombense no domingo (10). O árbitro foi Paulo Cesar Zanovelli, que teve criticas de Rafael Elias, do Cruzeiro. Nicolás Larcamón, no entanto, evitou avaliar arbitragem e “cobrou” um time inteligente; veja.

Primeiro, Nicolás Larcamón comentou sobre os dois jogadores do Cruzeiro que foram expulsos: “As expulsões são algo que temos que melhorar imediatamente. Não pode acontecer uma situação como aconteceu.”

Na sequência, Larcamón evitou falar da arbitragem de Zanovelli: “Não gosto de falar do árbitro, sei que é o mesmo árbitro do jogo com o Athletic, com duas expulsões também. Não quero falar, porque tenho que trabalhar com meus jogadores.”

Por fim, Nicolás Larcamón “cobrou” inteligência do elenco: “Temos que entender que o que aconteceu aqui poderia colocar em risco todo o trabalho. Não vamos permitir não ser um time inteligente. O Cruzeiro tem que ter excelente desempenho em diferentes aspectos, um deles a capacidade emocional. Não pode voltar a acontecer.”

O jogo de volta será no próximo sábado (16) no Mineirão. Onde o Cruzeiro pode avançar até mesmo em caso de empate, pois teve a melhor campanha da primeira fase. Sobre o jogo da volta no gigante da Pampulha, o técnico celeste também comentou.

Assim, Nicolás Larcamón falou sobre os jogos de ida agora, da volta: “Ficou de bom tamanho porque definiremos em nossa casa. O Cruzeiro no Mineirão está trabalhando para ser protagonista, para ser dominante, para ganhar muitos jogos. A melhor notícia para a gente é que vamos definir em casa, com nossa torcida.”

Veja mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo