Veja os melhores momentos de Cruzeiro 3×0 Patrocinense

Cruzeiro manteve tabú de nunca ter perdido para Patrocinense em casa

Favorito, o Cruzeiro tinha a seu favor o tabu de nunca ter perdido para a Patrocinense no Mineirão. Assim, a equipe celeste propôs mais o jogo, mas esbarrou na marcação encaixada do adversário durante boa parte do primeiro tempo.

Contudo, teve paciência foi trocando passes. Dessa forma, Matheus Pereira achou Marlon, que dentro da área, marcou aos 38 minutos e o Cruzeiro desceu para o intervalo na frente do placar. Ainda assim, em uma escapada aos 41 minutos a Patrocinense quase empatou, mas brilhou a estrela de Rafael Cabral.

No segundo tempo, a equipe de Patrocínio teve que buscar mais o jogo. Com mais espaços, o Cruzeiro não perdoou e ampliou a vantagem com mais dois gols: Juan Dinenno aos 2 minutos e Arthur Gomes aos 18 minutos.

Depois disso, o jogo ficou ainda mais aberto e Larcamón fez várias substituições para oxigenar a equipe, mas o jogo terminou mesmo em 3×0: Wesley Gasolina, Filipe Machado, João Marcelo e João Pedro entraram em campo.

Deixe uma resposta