Notícias

Polícia Civil do Paraná identifica torcedores do Cruzeiro suspeitos de envolvimento em briga na Vila Capanema

A Polícia Civil do Paraná, por meio da Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos (Demafe), identificou e indiciou 25 torcedores suspeitos de estarem envolvidos na invasão na Vila Capanema durante a partida entre Coritiba x Cruzeiro, no dia 11 de novembro.

Torcedores de Cruzeiro e Coritiba invadiram o gramado do estádio e uma grande briga aconteceu no local. A Polícia Militar precisou intervir e somente após mais de 30 minutos paralisado a partida foi retomada.

O delegado Luiz Carlos de Oliveira informou que foram identificados 15 torcedores do Coritiba e 10 do Cruzeiro. Os torcedores da equipe paranaense já foram ouvidos na última terça-feira (21), o Demafe enviou uma carta precatória para a polícia em Belo Horizonte dar sequência aos depoimentos dos cruzeirenses.

Durante a sua fala, o delegado ainda destacou a importância da ajuda dos dois clubes na identificação dos torcedores. Ele afirmou que em Minas Gerais o Cruzeiro está colaborando para identificar as pessoas, assim como o Coritiba no Paraná.

O Cruzeiro está punido pelo STJD de forma preventiva, assim como o Coritiba, ambas equipes não podem receber torcedores em seus jogos, seja como mandante ou como visitante.

Veja mais

Um Comentário

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo