sexta-feira, maio 14, 2021
HomeNotíciasFisioterapeuta demitido em 2020 cobra R$ 396 mil do Cruzeiro

Fisioterapeuta demitido em 2020 cobra R$ 396 mil do Cruzeiro

O ex-funcionário estava no clube desde o ano de 2010

O Cruzeiro tem mais uma ação na justiça para resolver, trata-se de um processo trabalhista do André Marley da Silva Rocha, que trabalhou como fisioterapeuta no clube. A ação do ex-funcionário tem o valor de R$ 396.437,58.

André diz não ter recebido os vencimentos dos meses de novembro e dezembro, ambos do ano de 2019. Além disso também teve seis dias trabalhados no mês de janeiro de 2020. O salário dele de acordo com as informações do Superesportes era de R$ 15 mil. Totaliza então o valor de R$ 38.355,06.

Além disso o fisioterapeuta cobra os pagamentos referente a premiações pelas competições: Brasileiro de 2018, Libertadores de 2019, Copa do Brasil de 2019, Campeonato Brasileiro 2019 e Campeonato Mineiro de 2019. Os valores totais são de R$ 158.069,34.

Além disso ele cobra o pagamento do aviso prévio de 57 dias, que teria o valor de R$ 33.124,83, e o seu 13º integral referente ao ano trabalho de 2019, e de maneira proporcional o período de 2020, totalizando assim R$ 18.015,26.

André Marley da Silva Rocha diz ainda que o Cruzeiro deve a ele R$ 23.245,49, o profissional alega que o recolhimento de FGTS são R$ 14.600,10. Além da multa de 40% sobre o FGTS. O fisioterapeuta chegou ao Cruzeiro no ano de 2010, e acabou sendo demitido em janeiro de 2020.

Deixe uma resposta

Páginas Heróicas

Batata: 45 anos sem o ídolo da 7

Salve Nação Celeste!!! 12 DE MAIO DE 1976 ALIANZA 0X4 CRUZEIRO O ÚLTIMO GOL O primeiro jogo da fase eliminatória da Libertadores acontecera em Lima, no Peru. Lá os...

O dia em que Zelão se rebelou

Mais popular