quarta-feira, julho 6, 2022
HomeNotícias do CruzeiroSúmula diz que preparador de goleiros do Cruzeiro foi expulso por revidar...

Súmula diz que preparador de goleiros do Cruzeiro foi expulso por revidar agressão do auxiliar do Operário

André Croda teria revidado socos e pontapés recebidos de Leandro Carlos Silveira Niehues, da equipe paranaense

Durante a polêmica partida entre Cruzeiro e Operário, o preparador de goleiros do Cruzeiro, André Croda, acabou sendo expulso pelo árbitro, Rodrigo D’Alonso Ferreira, no entanto, o profissional da Raposa revidou de agressões recebida do auxiliar técnico do clube paranaense.

Segundo a súmula da partida, Leandro Carlos Silveira Niehues, que é auxiliar técnico do Operário, partiu para cima do preparador de goleiros do Cruzeiro, André Croda, desferindo socos e pontapés..

“Expulso por sair de sua área técnica, invadir o campo de jogo, e partir para cima do preparador de goleiros e também do auxiliar técnico da equipe adversária e desferir socos e pontapés. o pontapé atingiu a perna do preparador de goleiros do Cruzeiro EC. sr. André Croda. o soco atingiu a altura do peito do auxiliar técnico da equipe adversária sr. Mauricio Copertino”, diz a súmula.

Registro do árbitro Rodrigo D’Alonso Ferreira, na súmula da partida.

Um fato que chamou a atenção na súmula, é que o motivo da expulsão de André Croda, se deu por que o profissional revidou a agressão recebida do auxiliar técnico do Operário.

“Expulso do campo, durante a paralisação da partida, por sair de sua área técnica invadir o campo de jogo e desferir um chute em forma de revide, e atingir a perna do auxiliar técnico da equipe visitante, sr. Leandro Carlos Silveira Niehues”, detalhou o árbitro.

Após a arbitragem da partida, o Cruzeiro já disse que irá na CBF manifestar a sua indignação com a atuação do árbitro Rodrigo D’Alonso Ferreira,.

Deixe uma resposta

Leia também

Mais popular