NotíciasSada Cruzeiro

Sada Cruzeiro confirma favoritismo, vence novamente Blumenau e vai as semifinais da Superliga

No segundo jogo da melhor de três das quartas de final da Superliga Masculina, o Sada Cruzeiro recebeu o Apan Eleva Blumenau nessa terça (4) no Riachão. Com o apoio da torcida, a equipe celeste confirmou o favoritismo vencendo a equipe de Santa Catarina por 3 sets a 0 (25×15, 25×22 e 25×17).

Assim, a equipe estrelada assegurou a vaga nas semifinais, onde espera o vencedor do confronto entre Vôlei Renata e Farma Conde São José. Vencedor do primeiro jogo, o São José precisa apenas de mais uma vitória na quinta (6) para ir as semifinais. Enquanto o Vôlei Renata, precisa vencer para levar a decisão para o terceiro jogo.

O jogo

Diferente do jogo em Blumenau, o Sada começou forte, com um ataque efetivo e com um saque que entrava bem. Assim, Oppenkoski novamente se destacou, com a raposa fechando o 1° set em 25×15. Panorama que alterou um pouco no 2° set, mas ainda com domínio estrelado vencendo por 25×22.

O terceiro e decisivo set foi seguiu na mesma toada. Ainda que com o Sada administrando, o Blumenau oferecia pouco ou nenhum perigo. Enquanto isso, o ataque e o saque da raposa continuavam forte, a ponto dos comandados de Filipe Ferraz abrirem 20×11. Assim foi questão de tempo e o Sada fechou em 25×17.

Mais um VivaVôlei

Maior pontuador com 15 pontos, Oppenkoski aumentou a coleção de títulos individuais com outro troféu VivaVôlei de melhor em quadra. Agora, com a suspensão de Wallace por 90 dias, ele deve seguir na titularidade da equipe até o fim da temporada. Onde, atualmente o Sada Cruzeiro é favorito ao título da Superliga.

Sobre o jogo de hoje, ele ressaltou o trabalho de todos: “Estou feliz demais com essa classificação e o trabalho que estamos fazendo. Fizemos um grande jogo hoje, com o apoio da nossa torcida incrível. Com certeza tudo que está acontecendo agora é uma construção, e estou muito feliz com a oportunidade de jogar e ajudar o time. Vamos esperar definir o nosso adversário da semifinal e vamos com tudo pra próxima fase.”

Diego Marinho

Mineiro, 31 anos. Graduado em História, setorista do Cruzeiro no Diário Celeste.

Veja mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo