terça-feira, agosto 9, 2022
HomeNotícias do CruzeiroRonaldo ainda pode desistir de comprar o Cruzeiro? Rodrigo Capelo explica como...

Ronaldo ainda pode desistir de comprar o Cruzeiro? Rodrigo Capelo explica como funciona o processo

O clube passará por um processo nos próximos 120 dias, de uma série de etapas burocráticas

O craque Ronaldo adquiriu 90% das ações do Cruzeiro, em um investimento de R$ 400 milhões nos próximos anos. No entanto, o documento que o ex-jogador assinou ainda não é o contrato definitivo de compra.

O Jornalista especializado em negócios do esporte, Rodrigo Capelo, explicou como funciona o procedimento. Tanto Ronaldo no Cruzeiro, quanto John Textor, no Botafogo, assinaram uma carta de intenções, fazendo a proposta oficial para comprarem os clubes.

Capelo explicou o processo inicial dessa venda dos clubes, e destacou que no prazo máximo de 120 dias, será realizada uma série de etapas burocráticas, mas necessárias.

“Daqui em diante, existe um processo que vai levar no máximo 120 dias, isso é parecido nos dois clubes, com ligeiras diferenças, são 60 dias, mais 60 prorrogáveis, em que, neste período, Ronaldo e John Textor, eles vão passar por uma série de etapas chamemos burocráticas, mas essenciais, eles vão fazer uma checagem das contas, para entender se as dívidas são de fato de um bilhão, é um bilhão pra cima, pra baixo, exatamente quais são as dívidas. Eles vão passar um pente fino em todo esse endividamento, nos próximos 120 dias”, disse o jornalista.

Se há ou não a chance de dar errado, Rodrigo Capelo destacou que pode, mas por já ter acontecido o anúncio pela parte do clube, e do investidor, ele acredita que seja improvável que aconteça, por ser um processo que já deve estar bastante ‘maduro’.

“Tudo isso vai acontecer nos próximos 120 dias, existe um otimismo por parte dos envolvidos, eles acham que vai se resolver em poucas semanas, mas contratualmente são 120 dias, pode dar errado? Pode! Pode ser que eles desistam e desfaçam o negócio? Pode! Mas o fato deles já terem anunciado o nome desses investidores, mostra que são negócios que estão bastante maduros, desfazer a essa altura do campeonato seria um trauma, para todo mundo, para o Cruzeiro, para o Botafogo, para o Textor, para o Ronaldo, para a XP”, concluiu o jornalista.

1 COMENTÁRIO

  1. Apenas para deixar claro, para desfazer o negócio será necessário de algo novo. Por exemplo, dívidas que são muito maiores do que foram mostradas e assim por diante. O Ronaldo nem o novo dono do Botafogo pode acordar um dia e desfazer o negócio.

Deixe uma resposta

Leia também

Mais popular