Notícias

Ex-Cruzeiro e Atlético-MG concorre a prêmio de melhor centroavante da K-League em seu primeiro ano na Coreia

O atacante Yuri Tanque, ex-jogador da base do Cruzeiro, vem vivendo um ano especial em 2023. Restando apenas uma rodada para o fim da K-League 1, primeira divisão da Coréia do Sul, o jogador carrega o posto de principal artilheiro do Jeju United e de sexto jogador com mais gols de toda a liga, sendo o terceiro brasileiro. Não só isso, como está concorrendo também ao melhor centroavante da competição e à seleção dos melhores jogadores do campeonato.

Com 25 anos de idade, Yuri acertou sua ida ao Jeju United em janeiro deste ano para o desafio de atuar pela segunda vez em solo asiático, mas desta vez na Coréia. Desde então, soma 36 partidas pelo clube da cidade de Jeju, com 11 gols marcados e quatro assistências. Recentemente também, chegou à marca de 50 jogos na Ásia e está a apenas uma partida de igualar o número de jogos da temporada 2022, sendo as duas que mais atuou na carreira.

Antes de sua transferência para o futebol coreano, o atacante conquistou o reconhecimento dos torcedores do Guarani, ao guiar o time da zona de rebaixamento até a décima colocação da Série B do Campeonato Brasileiro. Isto aconteceu em 2022, quando o centroavante contribuiu com sete gols e duas assistências em 17 jogos pelo Bugre. Em um deles, tirou as chuteiras para subir no escudo do clube localizado entre o campo e a arquibancada do estádio Brinco de Ouro.

Yuri teve uma passagem pelas categorias de base do Cruzeiro, dos 10 aos 12 anos, e do Atlético-MG, entre as categorias sub-15 e sub-17. Pela Raposa, se deslocava de Nova Era até Belo Horizonte para treinar, em um trajeto que durava aproximadamente duas horas e meia para ir e duas horas e meia para voltar. Como o clube precisava que o atleta se mudasse para Belo Horizonte, e Yuri não tinha condições para isso, acabou deixando o Cruzeiro quando era ainda apenas um garoto. Já pelo rival da Raposa, chegou a participar de um treinamento com a equipe profissional em 2013, junto ao elenco campeão da Copa Libertadores, que tinha nomes como Ronaldinho Gaúcho, Jô, Bernard, Diego Tardelli e companhia.

Como profissional, Tanque coleciona passagem por clubes como Ponte Preta, Coimbra, Ganiare Tottori (Japão), Ferroviária, Leixões (Portugal) e Capivariano. No último, foi o artilheiro da Série A3 do Campeonato Paulista de 2022 e escolhido para entrar para a seleção dos onze melhores da competição.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo